A Letter From our Customers

June 17, 2020

cvi42 permite que os médicos trabalhem com agilidade e segurança durante a pandemia da COVID-19

Strain 3D na doença de Fabry

2 de junho de 2020 - A plataforma cvi42 da Circle CVI é a líder no ramo de diagnóstico Cardiovascular, reconhecida por seu alto desempenho no pós processamento de imagens cardiovasculares para Ressonância e Tomografia cardíaca, o planejamento intervencionista cardíaco e Eletrofisiologia. Anualmente, milhões de exames cardíacos – em mais de 1.000 hospitais em 50 países - são interpretados utilizando o cvi42.

Além do design inovador, o que destaca a solução cvi42 e o suporte 24/7 fornecido pela equipe global da Circle CVI é a disposição permanente de apoio aos usuários e a intenção de favorecer o crescimento da comunidade voltada à gestão dos estudos cardíacos. Através de parcerias estratégicas, a Circle Cvi fornece às instituições de ponta as ferramentas e o suporte apropriado, garantindo um serviço de alto padrão. A Diagnóstico da América S.A. (DASA) faz parte deste grupo de excelência com a Professora Dra. Marly Uellendahl (Médica especialista em Ressonância e Tomografia cardíaca) e o departamento de Ressonância Magnética.

A DASA trabalha intensivamente com diagnóstico de estudos cardíacos e utiliza as soluções da Circle CVI há mais de 10 anos para atender cerca de 400 pacientes por mês em todo o Brasil. Atualmente, a DASA realiza pesquisas sobre a Doença de Fabry, a Cardiomiopatia Hipertrófica, a Doença de Chagas e a Esclerodermia. As solicitações mais frequentes de Ressonância Magnética são realizadas para avaliar doenças cardíacas estruturais em pacientes com arritmias, com o objetivo de investigar a Cardiomiopatia Arritmogênica do Ventrículo Direito e além disso outras patologias complexas são diagnosticadas.

Certamente o cvi42 oferece aos médicos uma condiçãode trabalho com maior foco e precisão

Conforme a Dra. Uellendahl “A DASA estava à procura de uma ferramenta tecnológica de ponta para analisar os nossos exames de RMC” e a utilização do cvi42 forneceu aos pacientes e ao hospital o benefício “De avaliação com qualidade e precisão da Função Cardíaca, da Perfusão e da análise de caracterização de tecidos.”

A versão mais recente do cvi42 é automatizada com algoritmos de IA (Inteligência Artificial) incorporados para reduzir o tempo de análise e agilizar os diagnósticos e laudos cardiovasculares para uma avaliação cardíaca rápida, precisa e altamente reproduzível.

A experiência diária da DASA comprova que o cvi42 aumenta a produtividade e a rapidez de diagnóstico, principalmente na avaliação da função ventricular e a quantificação de fibroses do miocárdio.

Com a Pandemia global da SARS-Cov2 em 2020, a transmissibilidade do vírus e as medidas sociais de distanciamento impostas dificultaram o acesso à ressonância cardíaca devido a um conjunto de riscos aumentados pela proximidade necessária entre os pacientes e os profissionais de Saúde para a realização dos exames e a elaboração dos laudos.

Com isso, a Circle CVI decidiu fornecer licenças adicionais à várias instituições hospitalares (incluindo a DASA) para dar continuidade às atividades essenciais de diagnóstico por imagem. Desta forma, os profissionais tiveram acesso de forma remota aos exames a laudar, por meio de uma conexão segura, permitindo a DASA de limitar o staff presente na instituição para gerenciar a aquisição dos exames e aumentar os diagnósticos e geração de laudos a distância.

Segunda a Dra. Uellendahl “Estas licenças remotas foram úteis para continuar o nosso trabalho, uma vez que podemos processar as imagens com segurança a partir das nossas casas” e, embora ainda tendo pleno acesso às melhores ferramentas do cvi42, podendo “Laudar os exames com segurança, sem comprometer a qualidade e a rapidez na entrega do laudo diagnóstico.” Além disso, o acesso remoto permitiu a análise e a apresentação de 5 casos clínicos para a próxima conferência do RSNA, com base em pesquisas recentes, o que "Não teria sido possível sem o acesso remoto aos exames via cvi42."

Concluindo, a Dra. Uellendahl afirmou que “o cvi42 certamente proporcionou aos médicos uma condição de trabalho com maior precisão” e agradeceu a Circle CVI pelo apoio contínuo e por “Dar a oportunidade de trabalhar com o cvi42 em suas casas de maneira segura durante o período pandêmico do COVID-19.”

Doença de Fabry com Envolvimento Cardíaco
Valores de deformação radial e circunferencial na doença de Fabry